Browsing Tag

wishlist

Loungerie lança coleção em parceria com a Janiero
pra gente, wishlist

Loungerie lança coleção em parceria com a Janiero

Volta e meia vejo amigas pedindo dicas de lojas para comprar lingerie bacana. Sempre indico a Loungerie pois oferecem uma variedade de peças bonitas para todos os tamanhos. Eu seeeempre sofri pra encontrar sutiãs pros meus seios e lá fui muito feliz. Há modelos mais básicos e outros mais trabalhados, com renda, coisa linda.

Recentemente, a marca divulgou sua primeira “collab”, com a grife Janiero – que tem peças MARAVILHOSAS. As duas marcas se uniram para lançar uma coleção que combina a experiência de compra da Loungerie (as vendedoras tiram suas medidas e você experimenta as peças que cabem certinho no seu corpo) com estampas e o design exclusivo da Janiero. São nove modelos distribuídos em: Bralets (sutiãs estilo top), calcinhas hot pant, além de duas versões de bodies.

Loungerie e JanieroLoungerie e Janiero

Tenho curtido muito essa onda de colocar a lingerie como algo a ser explorado também no dia à dia, deixando algumas peças como os bralets à mostra (usando uma camiseta mais soltinha, por exemplo). Aquela coisa de explorar lingerie somente ~em ocasiões especiais~ tá super ~last season~.

A coleção já está à venda nas lojas físicas e online da Loungerie >> www.loungerie.com.br. Se você nunca comprou peças da marca, recomendo ir à loja pra encontrar os modelos ideais pro seu corpo.

Facebook // Instagram // Twitter // Pinterest // snapchat: hackelz

pra gente, wishlist

Coucou Suzette: feminismo em forma de pins, meias e patches

Conheci o trabalho de Juliette Mallet ao ler um artigo no Trendland sobre a Coucou Suzette, uma marca francesa de pins divertidos e com uma pegada feminista. Acabei clicando no site da loja e descobri que além dos pins ela também produz meias, patches e outras coisinhas, tudo com uma proposta divertida e girl power. Óbvio que me apaixonei, né?

Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.

Nessa entrevista a gente mergulha no universo da artista, que estudou arte na École des Art Déco de Paris, posteriormente passando um tempo em Tóquio. Dividindo seu tempo entre ilustrações lúdicas e algumas bijous, ela embarcou na empreitada batizada de Coucou Suzette. Suas criações mesclam cores e formatos divertidos, brincando com o sexo em suas peças. O que começou como brincadeira acabou conquistando amigos e clientes por todo o mundo.

Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.

o anel ‘boobie’ foi uma de suas primeiras criações

De fato, é tudo tão bonitinho que dá vontade de comprar uma pecinha de cada. E olha que interessante: a artista se preocupa e não fazer muitas peças exatamente iguais, justamente pra que cada comprador receba um pedacinho da sua arte quase que de forma exclusiva. Os preços também não são exorbitantes – pra gente acaba ficando um pouco mais caro pelo custo da entrega e também pela moeda. Juliette se preocupa em fazer algo único e acessível.

Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.Coucou Suzette: feminismo & kitsch para consumir.
O trabalho completo da artista você encontra aqui >> coucousuzette.com. E para comprar, basta visitar sua lojinha na Etsy >> www.etsy.com/shop/coucousuzette.

Facebook // Instagram // Twitter // Pinterest // snapchat: hackelz

leituras

Lançamentos de janeiro/16 – Editora Rocco

O ano começou cheio de resoluções, certo? Por aqui, reafirmo meu compromisso em ler mais. E quando digo “mais”, falo não só de quantidade mas de variedade. Há alguns meses venho me permitindo passear por gêneros que não amo tanto justamente pra quebrar paradigmas e certezas. Tem sido legal praticar esse exercício.

▲ Lá no Goodreads abri um desafio de leitura, vamos ver se chego no final de 2016 com a lista em dia.

Essa é uma época de poucos lançamentos no mercado editorial porém tenho visto títulos interessantes saindo. Na lista da Rocco, um em especial me chamou atenção: A Garota Dinamarquesa. O livro inspirou o filme de mesmo nome, que eu tô doida pra assistir. Será que esse é aquele típico caso onde livro >>> filme? Estou curiosa.

Lançamentos de janeiro 2016 - Editora Rocco

:: Lançamentos Rocco ::

✏ Cidade dos últimos dias – O último policialde Ben H. Winters

Sinopse: A pouco mais de dois meses para o asteroide Maya atingir a Terra, investigar crimes não é mais uma prioridade para a força policial de Concord. Mas Hank Palace não pensa assim. Cidade dos últimos dias é o novo livro de Ben H. Winters, e segunda parte da trilogia O último policial. A obra acompanha o ex-detetive na investigação do misterioso desaparecimento de Brett Cavatone, o marido da sua antiga babá. Com a sociedade se desmantelando a sua volta, Hank tenta a todo custo juntar as poucas pistas que tem, até descobrir o paradeiro de Brett aparenta ser somente uma questão de tempo. Mas será que Maya dará este tempo a Hank? A elogiada trilogia de Bem H. Winters traz novas indagações sobre o que os homens devem uns aos outros quando o fim está próximo.

✏ Hotelles – Quarto 2, de Emma Mars

Sinopse: O jogo de sedução envolvendo a jovem Annabelle Lorand, conhecida como Elle, está de volta. Hotelles – Quarto 2 mostra o que aconteceu com a protagonista da trilogia erótica da francesa Emma Mars depois de trocar o noivo, o magnata da comunicação David Barlet, por Louis, irmão mais velho dele. Ambientada em Paris, a trama conserva a mistura de romance, mistério e intrigas, bem como as cenas quentes que marcaram o primeiro livro, ao acompanhar a educação sexual de Elle, jovem jornalista que resolve trabalhar como acompanhante de luxo para pagar o pagamento de saúde da mãe, e acaba se enredando num jogo sedutor e perigoso que envolve os dois irmãos, os famosos quartos do Hôtel des Charnes, cada um dedicado a uma famosa cortesã do passado, sua melhor amiga, Sophia, e a agência Belas da Noite.

:: Lançamentos Fábrica231 ::

✏ Sob a luz dos seus olhos, de Chris Melo

Sinopse: Considerada a “Nicholas Sparks de saia” pelos fãs, por suas histórias românticas voltadas especialmente para o público jovem adulto, a paulista Chris Melo estreia na Rocco, pelo selo Fábrica231, com Sob a luz dos seus olhos. A trama conta a história de Elisa, que embarca para a Inglaterra decidida a começar sua vida adulta, levando na bagagem seus planos e sonhos para o futuro; e Paul, um artista tentando se encontrar e que vive intensamente cada momento. O que poderia ser apenas um encontro casual entre dois jovens tentando achar o seu lugar no mundo se transforma, pelas mãos de Chris Melo, numa profunda jornada de autoconhecimento, superação, perdão e recomeços protagonizada por duas pessoas comuns que experimentam o poder extraordinário do amor. Um presente para quem já é e para quem vai se tornar fã de Chris Melo.

✏ A garota dinamarquesa, de David Ebershoff

Sinopse: Com estreia nos cinemas em fevereiro, já acenando com um possível novo Oscar para Eddie Redmayne, ganhador da estatueta de melhor ator por A teoria de tudo, A garota dinamarquesa reconstrói a história de Lily Elbe, talvez a primeira transexual da história a fazer a cirurgia de redesignação sexual (ou “mudança de sexo”). Vivendo até a meia-idade como Einar, um pintor dinamarquês na Europa dos anos 1920 e 1930, ela teve a sorte de contar não apenas com um médico pioneiro, mas com uma mulher brilhante, generosa e apaixonada, sua própria esposa, Greta, para encontrar sua verdadeira identidade. Num momento em que as questões de gênero estão cada vez mais em voga, o aclamado romance de David Ebershoff, que volta às prateleiras com novo projeto gráfico, capa com o pôster do filme e posfácio assinado pelo autor, é um livro delicado e envolvente e uma leitura necessária nos dias atuais.

:: Lançamento Bicicleta Amarela :: 

✏ Nutrição descomplicada, boa forma facilitada, de Rodrigo Paiva

Sinopse: Por que emagrecer? Somente para ficar em forma ou para diminuir taxas como glicose ou colesterol que estão ameaçando a saúde? Quem sabe para dar uma guinada na autoestima? O motivo não importa. Nutricionista e preparador físico com pós-graduação em fisiologia, Rodrigo Paiva afirma que a chave para alcançar qualquer objetivo em relação ao próprio corpo está na força de vontade. E também em compreender o “pensamento” do corpo. Em Nutrição descomplicada, boa forma facilitada, seu livro de estreia pelo selo de bem-estar Bicicleta Amarela, o autor esmiúça temas variados como vitaminas, metabolismo, a diferença entre emagrecer e perder peso, exercício e queima de energia, os mitos e verdades da alimentação, entre outros assuntos. E mostra que sempre é tempo de se imaginar em melhor forma e mais saudável e traçar metas para conquistar esse objetivo.

Facebook Instagram Twitter Pinterest snapchat: hackelz

decoração, wishlist

Tok & Stok lança linha de produtos em parceria com Maizena

Uma das melhores partes de enfrentar mudança é a possibilidade de decorar a casinha. É como se a gente tivesse uma chance de redecorar os espaços, trocando móveis de lugar ou até mesmo investindo em objetos de decoração novinhos. Foi o que aconteceu aqui em casa. Mudamos pra outro apartamento no mesmo prédio porém tive uma cozinha pra remodelar do zero. Com isso, repensei toda a decoração e o que não faltou foi inspiração. E itens na lista de desejo.

Esses dias recebi um release anunciando a parceria entre MaizenaTok&Stok. A coleção especial começa a ser vendida agora em agosto e reúne objetos bem bacanas para a cozinha, com aquela pegada retrô bem fofa. 

Maizena & TokStok

1. mural de recados | 2. caneca | 3. fichário de receitas (traz algumas receitas tradicionais de Maizena) | 4. ímãs de geladeira | 5. avental | 6. pote hermético | 7. pano de prato | 8. bandeja

Os preços variam entre R$7 e R$200 e de acordo com o marketing da loja, buscam resgatar na memória dos brasileiros o amor pela marca que já tem mais de 130 anos presente na vida das famílias. Eu quis tudo (de verdade) e vocês?

acompanhe o maionese por aí:

curta o blog no Facebook siga no Instagram acompanhe os tweets snapchat: hackelz

Maionese no BEDA

pra gente, wishlist

Melissa Wanna Be Carioca: tendência flatform

A Melissa lançou há algumas semanas a coleção Wanna Be Carioca. Como o nome já diz, estamos falando de uma linha toda inspirada na Cidade Maravilhosa, que exala essa atmosfera de verão, mar, altas temperaturas, roupa fresquinha e de cores vibrantes. O curioso é que a gente nem precisa esperar dezembro chegar pra usar esses modelos mais ~veranis~, visto que nessa cidade faz calor o ano todo, até no inverno (que esse ano deu tchauzinho de longe). Dentre as parcerias que a marca já realiaz e as novidades da coleção, o que mais me chamou atenção foram os sapatos flatform. Dá só uma olhada:

Melissa Wanna Be Carioca. Mais em http://raquelarellano.com.br/blog.

Dona Jelly

Melissa Wanna Be Carioca. Mais em http://raquelarellano.com.br/blog.

Hotness

Melissa Wanna Be Carioca. Mais em http://raquelarellano.com.br/blog.

Mar

Melissa Wanna Be Carioca. Mais em http://raquelarellano.com.br/blog.

Flox

Fiquei apaixonada pelos modelos Mar e Flox. Curto bastate a vibe desse solado grosso e altinho, que é super confortável pra quem bate perna o dia todo. No caso das mais altas, a gente acaba ficando mais ~elegante~ porém sem sofrer com o saltão. Eu acabei levando a Flox numa cor diferente e aqui ficam dois destaques: a sola tratorada, que já tinha dado as caras em alguns modelos da coleção Melissa Star Walker + solado colorido. Mais trendy, impossível!

Queria ver a Hotness ao vivo mas as lojas estão recebendo aos poucos a coleção. Pra quem quiser ver tudinho (ou quase tudo), é só clicar aqui.

acompanhe o maionese por aí:

 curta o blog no Facebook  siga no Instagram  acompanhe os tweets  snapchat: hackelz

pra gente

Linha Pomar de Flores da L’Occitane au Brésil

Há alguns dias conferi de pertinho o lançamento da L’Occitane au Brésil para o Dia das Mães: a linha Pomar de Flores. Inspirada na diversidade de um pomar, que além das frutas, têm seus caminhos repletos de flores, a marca inova e aposta em Eau de Toilettes, com proposta de maior durabilidade da fragrância na pele. São três diferentes perfumes: Flor de Acerola, Flor de Carambola e Flor de Goiaba.

Pomar de Flores | Maionese

Tive a oportunidade de experimentar as três fragrâncias e saí apaixonada por todas. Geralmente tem aquela que a gente gosta “mais ou menos”, né? Nesse caso, gostei mesmo delas, com o voto da favorita para Flor de Carambola.

A Deo Colônia Flor de Acerola apresenta notas florais cítricas que revelam uma beleza autêntica e criativa, em uma combinação perfeita para mulheres espontâneas e divertidas. Já a Deo Colônia Flor de Carambola traz uma composição delicada de flores e frutas cheia de romantismo. 

Pomar de Flores | Maionese

Além das fragrâncias deliciosas e frescas, as embalagens são lindas! O trabalho é da mineira Celene Godoi, conhecida por desenhar estampas para moda e design de interiores. A delicada fita decorativa dos perfuminhos foram desenvolvidas por ela também! Tipo um lencinho no pescoço!

Pomar de Flores | Maionese

Os valores de cada produto são: leite desodorante corporal R$ 50,00; sabonete líquido R$ 40,00; deo colônia R$ 95,00. Comprando os três, você leva um caderninho super lindo (eu queria todos)!

Pomar de Flores | Maionese

A loja também tem outros produtos muito bacanas, cheirosos e para homens e mulheres. Uma boa dica pra quando a gente quer dar um presente legal e quer fugir do tradicional kit do Boticário (quem nunca?). Ah, dá pra comprar online também, é só visitar o site oficial da marca.

acompanhe o Maionese por aí:

 curta a nossa página no Facebook  siga no Instagram  acompanhe os tweets