amor, www

Celebrando os 7 anos do Gordelícias

Durante muito tempo, eu me senti meio bobona por me intitular “blogueira”. O peso negativo que essa palavra tem, minha gente. Bom, vocês que me leem por aqui e que também cultivam seus respectivos blogs com tanto carinho e amor, vão entender. Mas tem gente que nunca, nunquinha, vai captar a importância disso aqui. Faz tempo que eu tô nessa freguesia. E em pelo menos metade desse tempo, escrevo o Gordelícias. No último sábado, fiz uma celebraçãozinha pra gente festejar os 7 anos de bloguinho.

Aquela história: mais do que um encontrinho, era uma maneira de festejar um trabalho (que é diário, que exige dedicação e que muitas vezes não nos paga como a gente deveria receber). Mas olha, eu vou confessar uma coisa também: o tanto de vezes que já pensei em desistir é infinitamente menor à disposição que eu tenho de continuar. Porque produzir um site com conteúdo gastronômico dá um trabalho danado. A gente precisa planejar um cronograma, comprar os ingredientes, preparar a receita em si, fotografar, escrever o post. Se eu somar a quantidade de horas que invisto numa simples receita, vocês nem acreditariam.

Porém, a gente continua. Muitas vezes, remando contra a maré. Seja no YouTube ou nos blogs, redes sociais da vida, só gostando muito do que a gente faz pra continuar.

E foi por isso que fiz a festinha. Foi por isso que teve bolo. E teve até parabéns (eu queria me esconder de tanta vergonha, mas eles puxaram o parabéns mesmo assim).

A comemoração rolou no Artesanal e Tal, quiosque delícia de hambúrgueres aqui na Ilha

O bolo (que vocês já viram no topo do post)

Euzinha, com carinha de pastelzinho

Paola, minha amiga e uma das donas do Artesanal e Tal

Parte da galera que apareceu por lá pra comer e beber 

Essa semana ainda vai rolar vídeo com o resumo da festa, que bom bem lindinha. Em breve, coloco o link aqui também! <3

Previous Post

You Might Also Like

3 Comments

  • Reply Nicas 9 de agosto de 2017 at 8:03 pm

    AAAAAAHHHHHH quando vier pra São Paulo, deixa eu te abraçar muitão?!

    E a palavra tem um peso sim. Eu não falo que eu sou blogueira, eu falo que eu tenho um blog, porque ~ser blogueira~ do jeito que eu sou passa uma imagem de que as coisas não deram certo (e pra mim, nossa, como deram certo, o tanto que eu me divirto nisso aqui!). Acho que só quem já viveu desse lado das pessoas que escrevem sabe o quanto esse mundo é incrível e conhece as milhares de oportunidades diferentes que ele oferece. Que venham mais muitos anos e que a disposição seja sempre maior que a vontade de largar isso aqui. 🙂

  • Reply Isa 13 de agosto de 2017 at 6:54 pm

    e ver o seu sorrisão imenso, que brilha brilha brilha tanto?
    que orgulho de você <3

  • Reply BA MORETTI 16 de agosto de 2017 at 11:05 pm

    eita alegria ein? coisa linda de se ver mesmo que de longe 🙂 e de acompanhar também!!! ♥

  • Leave a Reply